MEDIAÇÃO DE MARIA NA EVANGELIZAÇÃO

“Deus Nosso Senhor, para abater e destruir as heresias, os erros e os vícios que o demônio suscita e propaga com todos os meios imagináveis, vale-se da Virgem Maria e de seus fervorosos devotos, aos que Ela socorre de um modo especialíssimo” (L’egoismo vinto. Roma 1869, p. 52. reproduzido em castelhano em EE pp. 411-412).

A mentira é repugnante e a injustiça fere nossa sensibilidade humana. A violência que castiga tantas pessoas e povos, sobretudo, os mais débeis, nos causa uma terrível desolação. No fundo, trata-se sempre de sucedâneos do desejo de poder e da ambição por querer dominar os demais. Parece que, para alguns, seja lícito manipular tudo, inclusive o ser humano, para assegurar para si uma situação de privilégio que é incapaz, por outra parte, de conduzir a uma verdadeira felicidade. As “obras do demônio” aparecem através destas situações que causam morte e sofrimento, que profanam a dignidade sagrada das pessoas e impedem a história avançar para horizontes de paz e fraternidade que Deus lhe tem apontado.

Como fazer frente a estas forças do mal? Onde encontrar a energia espiritual para manter o compromisso com o bem, com a justiça, com a verdade?

Santo Antônio Maria Claret indica aos fieis a figura de Maria. Ela é a ícone de quem escuta a “Palavra de Deus e a coloca em prática” (cf Lc 8,21). Acolher de verdade a Palavra, que revela a dignidade da pessoa, nos prepara a respeitar concretamente esta dignidade na vida de cada dia. Abrir o coração à Palavra, que nos convida a olhar a Criação como um dom a ser partilhado, cria um dinamismo profundo de solidariedade. Escutar atentamente a Palavra, que nos descobre a fraternidade e a justiça como o horizonte necessário da história para viver cada momento com sentido é um chamado constante a superar o egoísmo e a avançar por caminhos de amor e solidariedade. Maria acolheu esta Palavra de Deus e colocou todo seu ser a serviço da realização do plano de Deus.

A Mãe de Jesus, “a Palavra feita carne” (cf. Jo 1,14), orienta quem se aproxima dela a assumir em sua vida aqueles traços e atitudes que fazem da vida de cada um um louvor a Deus e uma bênção para dos demais.

Adicionar Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Style switcher RESET
Body styles
Color scheme